sexta-feira, 5 de outubro de 2007

up people

Ser uma pessoa pra cima é uma questão de talento. Veja bem, não me refiro àquele tipo insuportável de criatura que está sempre falando alto, sempre fingindo que tá tudo ótimo, que tudo é farra. Não me refiro ao tipo efusivo de pessoa.

Eu falo de gente que consegue ver sempre o lado bom das coisas, mas que é sensível à situação das outras. Gente que, sem fazer esforço, te bota pra cima quando você tá pra baixo. Gente que percebe que você tá mal, aliás, mas não dá corda pra sua deprê. Gente com o papo bom, com o espírito leve, gente que te dá prazer só de estar perto de você.

Enfim, não é qualquer um que consegue ser assim. Eu, por exemplo, sempre levanto, mas justamente porque eu tropeço de vez em quando. A mulherada que eu conheço, então, nuh!, posso abrir uma empresa de guindaste emocional pra dar conta dessas moçoilas. :)

Eu conheço (...) uma pessoa que é up total. Curiosamente, nunca estive com ela. Conversamos muito, há alguns meses, e fico admirado com a consciência que essa criatura tem de que a vida vale e é bacana. Vai ver é por isso que ele tem tantos fãs.

Eu tô correndo, tô nadando, mas rápido passei por aqui pra falar desse sujeito, que, mesmo sem saber, tem me dado gás pra continuar na disputa.

(Como ele mesmo diria) Para o alto e avante!, povo.
Beijos, bom final de semana pra todos nós.


P.S.: Não achei foto de uma up person, tudo bem um up dog, né? Hehehe.

Nenhum comentário: