domingo, 25 de novembro de 2007

releitura contemporânea de Drummond

Fulano amava Beltrano, que amava Cicrano.
Que amava Beltrano.



2 comentários:

Mari disse...

Vc não existe....

Rodrigo disse...

hahahahahahaha

love it