sexta-feira, 7 de dezembro de 2007

deixa a chuva molhar!

Que money, money, money and money é minha meta pra 2008, já não é mais novidade. Mas eu confesso que há momentos felizes na pobreteza que chegam a ser ótimos (mas que, na verdade, bem podem ser feitos na dinheireza também).

Pois não foi que eu e minha aluna nos divertimos horrooooooooores na chuva esta noite, quando eu a levava (a pé, olha que dureza!) pra casa? Mas rimos demais, muito, primeiro comentando nosso sacrilégio (involuntário) de brincar de Jesus Cristo ao caminhar sobre as águas (sim, porque eram quase ondas). Depois, pelo tanto que a sombrinha e o guarda-chuva não evitaram que a gente molhassem o corpo todo. Eu adorei a metamorfose do cabelo dela (KKKKKKKKKKKKKKKK!!!!). Mas o inenarrável foi a gente correndo na Jacuí pra não levar um banho de chuva digno da Vanessa da Mata, com muito "ai, ai,ai, ai": parecia efeito especial o TANTO que molharam a gente, KKKKKKKKKKK, ai, podre, mas indescritível.

Tá vendo? Como ela mesma disse, lembrando aquele cartão de crédito, tem coisas que o dinheiro não paga. Vai dizer que a Gisa ou Sachis sabem o que é tomar uma lavada do 8405 na Jacuí, em Tubiacanga, debaixo duma tempestade? Hehehe, eu vou lembrar dessas coisas em Malibu.

Amiga, valeu demais, precisamos fazer isso mais vezes!

Inté, povo, bom final de semana!

4 comentários:

Caroline disse...

Nossa você ainda viu o número do ônibus. Valeu demais. No entanto, isso só pode acontecer na 6ªfeira, se não o meu cabelo não aguenta. rsrsrs.

Adorei.

Humberto, o próprio disse...

KKKKKKKK!!! Bem eu vi que a senhorita tava soltinha demais com a chuva, esqueci que era sexta-feira, hehehe.

P.S.: Vi o ônibus demais, só podia ser o da Lê!

Heleninha disse...

E eu já incorporei a frase sobre Malibu ao meu vocabulário! kkk Bjs

Polly disse...

A beleza da vida está nestes detalhes...

Beijos