segunda-feira, 31 de março de 2008

num passado não muito distante...

Hoje é dia 31 de março. São 44 anos desde o golpe militar que instalou a ditadura no Brasil. Você já parou para pensar na bênção que é viver com a liberdade que nós vivemos? Já parou para pensar ao menos no lado bom dela? Se não, pare e pense.

De minha parte, grande interessado que sou pela história do país nos anos de chumbo, agradeço veramente por todos aqueles que lutaram pra eu ter hoje a liberdade de escrever um blog como este, sem outra censura que não seja meu próprio (bom) juízo. Agradeço por poder pensar com minha cabeça, por poder discordar se for preciso. Agradeço, porque sei que hoje em dia seriam poucos os que dariam a cara a tapa (literalmente) e arriscariam a própria vida pela democracia no Brasil.

Se fica algum medo é o da desinformação e o da memória curta dos brasileiros. Eu me pergunto se esquecer tudo o que passou não pode ser uma senhora brecha para que aqueles absurdos voltem a acontecer. Pare e pense no presente, desta vez.

Parece um post carola e ufanista, eu sei. Mas eu realmente torço pra que as pessoas tenham mais consciência do valor da liberdade que temos. E do horror que foram os anos em que nossos pais não a tiveram.


P.S.: Não posso deixar de comentar: Vem sendo exibido um comercial do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), que frisa a importância dos heróis que lutaram no período militar pelo direito do voto e pela democracia. Corretíssimo. O que é estranho é a exclusão das mulheres no anúncio. Todos os célebres mostrados no anúncio são homens. E as heroínas? Vai dizer que ficaram em casa lendo Cláudia? Não dava pra colocar nem uma Zuzu Angelzinha, não?

2 comentários:

Helena disse...

Esse post me faz lembrar outra boa série, Anos Rebeldes, que eu assisti quando tinha 7 aninhos! Como o tempo passa rápido...

Humbert, o de 25 disse...

Pois é, menina, eu também tinha 7 aninhos (hehehehe). Mas eu era super dotado, então já tava na oitava série, KKKKKKK!