terça-feira, 20 de maio de 2008

100 anos atrás...

Sempre amei História.
Meus professores costumavam ser muito, muito bons.

Mas uma pulga atrás da minha orelha de adolescente permanece até hoje sem que eu consiga entender exatamente o que aconteceu (ou não) e por quê: 100 anos atrás, 20 depois da abolição formal da escravatura, se havia a necessidade de trabalhadores nos campos de café, não seria o caso de pagar pelo serviço de quem costumava fazer isso à força? Inserir meus antepassados no muito cruel mercado agrícola de trabalho não teria escrito a história dos negros brasileiros de uma outra maneira, não? Não teria tornado menos cruel e menos absurda notícias como esta e mais esta?

Não entendo nada. É burrice mesmo. E prefiro parar o assunto por aqui até que alguém me explique.


3 comentários:

Sarah disse...

Bom, a história tal e qual é ensinada nas escolas é piada, a gente sabe mas...tentando explicar. Como diria um professor meu: "Não era a escravidão que justificava o tráfico e sim o tráfico que justificava a escravidão". O tráfico era lucrativíssimo e quando pararam de fazê-lo, foi por vários motivos mas, principalmente porque o preço dos escravos subiu muitíssimo. Logo o contingente de europeus que veio para cá ( pq a Euro tava bombando de gente)saía mais barato como mão- de- obra( pq o salário era vergonhoso e estúpido).Não menos vergonhoso e estúpido que a escravidão.
A história do Brasil me enoja.

Sarah disse...

Ou melhor, não mais vergonhoso e estúpido.

Humberto disse...

Você é uma leitora bacana Sarah, apareça sempre.
Thanks pela explicação. Eu meio que sabia, mas, como você disse, é tudo tão vergonhoso que fica difícil de entender.