terça-feira, 6 de maio de 2008

open up your eyes

Existem situações em que não adianta mais você tentar abrir os olhos de alguém a respeito de alguma coisa. Não adianta porque você não é melhor nem pior que ninguém pra abrir os olhos de ninguém. Você pode tentar. Mas sempre chega uma hora em que seja lá quem for com quem você se importa decide o que quer, para o bem ou para o mal – e de olhos bem abertos.

Daí, se a sua consciência estiver tranqüila, então, bom, seu trabalho está feito. No mais, cada um que responda (ou pague) pela própria felicidade.

4 comentários:

Caroline disse...

Amigo, a vida é assim mesmo.O que é felicidade pra alguns, pode não ser para outros.

Abs.

Anônimo disse...

Sábias palavras, Humbert, meu caro! Tudo o que eu estava precisando ler no dia de hoje.
Beijos da Jana

Humbert, o vaidoso disse...

:) Adoro quando o que eu escrevo vale de alguma coisa!

Anônimo disse...

Ôh, querido, suas palavras são preciosidades...você nem sabe o quanto elas valem, meu caro!
Beijo da Jana