segunda-feira, 4 de agosto de 2008

Jen e você, leitora, tudo a ver

E essa capa da People com a Angie, o Brad e seus bebês sorridentes? Buniteza demais, né?

Eu fico meio com dózinha é da Jen, coitada. Imagina que boxta não deve ser pra essa pobre (sic) ficar vendo o cara que era pra ser o pai dos filhos dela tendo, tipo, mil filhos lindos com a outra.

“Mordida, eu? É ruim, hein Humberto! Seis filhos = muito cocô pra limpar, muitas noites sem dormir, muito pouco tesão de sobra.”

É... Como diz minha amiga Flora, pra quê ter dó da Jen, cheia de grana, vivendo na praia e bonita que só ela? Tem que ter dó é da gente, que continua duro, tentando não embarangar e se virando pra ser feliz a cada dia. Êita nóis!


P.S.: De todo modo... Algo me diz que na cabecinha da Jen deve estar rolando a musiquinha "So no one told you life was gonna be this way..." :P

7 comentários:

Polly disse...

Gato, tô pra te dizer que grana, praia e beleza não ameniza a dor de amar alguém que não é seu, viu?

Vi uma entrevista dela na Oprah falando abertamente do quanto sofreu e do quanto ama o Brad (quem não amaria, né?), vou te falar...deve tá sofrendo mesmo!

Beijos

lê disse...

sofrimento por sofrimento, prefiro amargar a dor de perder o BRAD PITT em SAINT-TROPEZ, né?
bom, não estou sofrendo por NINGUÉM, mas também estou em BELO HORIZONTE, né?

Humbert disse...

Já dizia o profeta, "dinheiro não traz felicidade, mas ajuda a sofrer em Paris". :P

Sarah disse...

Então... lá venho eu com meus comentários isolados, difíceis de encontrar partidários mas, vamos lá.
Nunca achei grandes coisas o B. Pitt e muito menos a Jen.
Inegável que a família JP é maravilhosa mesmo, dá gosto de ver(o Pax é tudo né não?). Mais inegável ainda é o cornélio monstro que a Jen levou, daqueles cornélios que meu, não tem como não ficar com dó num primeiro momento. Há quem deva achar a Angie uma pulha mas ela é tão espetacular de modo geral que não é essa imagem que impera. Nada ver a outra chorar as pitangas em programa de tv e etc. Dignidade djá! Sem contar que ela teve um enrosco com aquele (esse sim, absurdamente gatooooooooo) maravilhoso do Jason Lewis. Devia ter mantido o bofe ( o que é o BP perto dele?!!!).
E outra, até onde li o BP queria ter filhos e a Jen ficava fazendo doce ( rica, com marido rico também, 38 anos e fazendo doce pra ter um filho para não atrapalhar a carreira no momento...). Não deu outra, veio a Angie(mais famosa e mais requisitada) e mostrou que é possível ter não 1 mas vários rebentos e ainda continuar no batente sem deixar cair a peteca.
Desculpa aí Jen mas tu cavou a própria sepultura.

Sarah disse...

opa, Xiló arrasa!

Humberto disse...

KKKKKKKKKK!!! Esquenta o debate!!!

Eu adoro as duas filhinhas da Angie, tem caras de serem muito engraçadinhas. Também adoro a mãe, nem preciso dizer quanto.

Quanto à Jen, que eu saiba, ela perdeu um bebê pouco antes de o BP (adorei a sigla) largar ela (aliás, acho que ele largou enquanto ela estava tentando digerir a coisa).

Anyways, corno é foda, e se eu não desejo nem pra Luana Piovani, que dirá pra pobre (oops!) da Jen.

No mais, esse povo que é rico que se entenda, hehehehe.

Agora, só mais um P.S., cês ouviram falar que a "People" fez o sorrisinho do bebê com photoshop na capa?

Bjos Sarah!

Sarah disse...

Eita, esse bafo eu não sabia :
"Quanto à Jen, que eu saiba, ela perdeu um bebê pouco antes de o BP (adorei a sigla) largar ela (aliás, acho que ele largou enquanto ela estava tentando digerir a coisa)."

Os poucos pontos q o BP tinha comigo escoaram pelo ralo da indignação. Essa foi flórida.

Pois é, li sobre o sorriso forjado. Coisa desnecessária né?

bju