terça-feira, 3 de março de 2009

meoooowww...what?

Esta eu achei no site da Érika Palomino, enquanto fazia minha ronda diária pelo que acontece nesse nosso mundo-cão.Aliás, diz respeito ao mundo dos cães mesmo. Mais particularmente aos cães de bibas.

Num ponto bacana de São Paulo, alguém teve a brilhante ideia de inaugurar um Pet Shop para animais de estimação de gays e simpatizantes. Bacana, não? Pelo menos assim ninguém vai ter que ser zoado (maltratado) na hora de levar o poodle pra tosar. Também gostei do nome da loja. Enfim, coisa pra pet shop boy nenhum botar defeito.

Eu só não entendi uma coisa: Entre os mimos vendidos na loja para os caninos há itens como...

Bolsa de couro de cobra com couro de antílope (R$ 1.000)...

Bolsa de couro de avestruz com couro de jacaré (R$ 1.000)...

Bolsa de couro de vaca (R$ 460)...


Então o estabelecimento se baseia no respeito ao ser humano e aos bichinhos, desde que esses sejam fofos, né? Tipos, se abrir uma filial na Coreia vai comercializar bolsa de poodle e escova de bigode de gato fácil? O que será que o Peta vai achar dessa escolha coerente de produtos pra comercializar num pet shop?

Whatever, né?

Abrazos pra everyone.

2 comentários:

Fernando disse...

Que incoerência! Que desbunde! Ao menos, gostei do nome, hehe.

Sarah disse...

"Tipos, se abrir uma filial na Coreia vai comercializar bolsa de poodle e escova de bigode de gato fácil? "

ahahahah, pode crer!!

Eu tenho uns 50 bigodes do meu gato pretoque guardo numa caixa de coração. Junto há alguns anos já.

Mas sobre o assunto em si, é a hipocrisia...igual a Natura que paga de correta e faz teste em animais. Apre!