terça-feira, 19 de janeiro de 2010

Playboys hermanas

Como alguns de vocês sabem, eu estive na Argentina este começo de ano (detalhes sobre isso nos próximos posts). E como os que lá comigo estiveram sabem, fiquei doido com as revistas. Queria trazer tudo, comparar, ver o que é legal e tal.

Fato é que na correria da volta acabei trazendo o basicão: uma Cosmopolitan de lá, uma Vanidades de lá e uma Playboy de lá, essa da capa bacaníssima aí acima.

É da Playboy argentina mesmo que eu quero falar aqui. Adorei a capa com o lombo à milanesa. Fiquei tentado mesmo a comprar. Só que na hora que eu abri a revista, putz!... Deve ser a edição mais fracassada da Playboy no mundo!

Em apenas 114 páginas, a revista traz como estrela a Francine do "Big Brother" (socorro), a entrevista é uma publicada na edição brasileira em 1990, com o Ayrton Senna (socorro), tem um outro ensaio com duas brasileiras desconhecidíssimas (socorro) e até um ensaio da Sônia Braga de 1984 (socorro! socorro!).

Nossa, que decepção, muito podre.

Mas aí... fui chegando nas terras brasileiras... e dei de cara com a edição de janeiro da Playboy daqui:

Nossa, mais uma desconhecida do "Pânico", com uma franja que o Paco vai adorar e um cabelo com corte "V" que eu não Via desde 1988, uma capa suuuuuuuuuper original e perguntas para Bruno Mazzeo, tudo isso também em pouco mais de 114 páginas. Aff!

Dessa até o Jim Carey riu:


E desse lixo todo até a menininha do Coppertone riu.


Ah, whatever. Pelo menos a foto do biscoito recheado de chocolate com coraçãozinho de morango em pó na bunda da Francine do BBB me fez rir.


P.S.: Na Playboy Brasil: "Juju do Pânico - Mais gostosa que na TV". Claro, né? E dá pra usar photoshop na televisão? Na Rede TV???
s

5 comentários:

Sarah disse...

Que bom , posts novos, Humberto de volta e com a corda toda porque ri muito com este post escrachado.
Francine + entrevista de 1990 com o falicido + Sônia Braga, que bizarro!

menina coppertone, muito antigo!!

helena disse...

Bem vindo de volta! Conta tuuudo daquele lugar maravilhoso que é a Argentina (morei lá em alguma vida passada, definitivamente)!

Janaína disse...

KKKKKKKK
Adorei a sequência de capas "mais que criativa"! Pra você ver a capacidade da mídia de "se reinventar" todos os dias, hein!? Hehehe
Bem vindo de volta, querido! Já estava sentindo muita falta da sua lucidez virtual que me consola na minha ronda diária pela net!
Beijo!

xicoarantez disse...

eu vi a playboy arxentina!! podreee d+! tudo noticiA VELHA! como pode uma cidade daquele tamanho que é BUENOS AIRES, não produzir uma playboy de qualidade e com material e personalidades locais?? eu einh??

R. Paschoal disse...

De fato, a capa foi uma ótima sacada! Mas, sinceramente, ninguém merece a Francine... rs