quinta-feira, 4 de março de 2010

o que me responderiam os esquilinhos?

O dia tá quase acabando. Foi um dia esquisito, bem esquisito. Porque não foi ruim, mas algo ficou me martelando o tempo todo. E eu fiquei pensativo e é aí que fode o esqueminha.

Tive vontade de me transportar lá pra graminha do Six Pack, conjunto de prédios na Universidade do Texas em Austin, onde estudei anos atrás. Vontade de deitar lá e respirar e pensar (produtivamente) nas coisas. Pensar no por quê de algumas escolhas erradas... no por quê de continuar insistindo... no por quê de algumas coisas que os amigos fazem (ou não fazem)... pensar.

Mesmo estando tão longe da graminha com os pássaros pretos e os esquilinhos e mesmo não tendo conseguido chegar a conclusão nenhuma, de algum modo eu estou tomado por uma tranquilidade que chega a dar medo. Porque se tem uma coisa que eu aprendi no Texas é que dá tudo certo.

Sempre.

Boa noite (ou bom dia) meus caros.


P.S.: Só pra constar, enquanto estudei lá eu não tive mais que duas ou três chances de, de fato, deitar na tal graminha e pensar. Ô, quem me deras na época ter tempo pra essas coisas.
s

7 comentários:

Fernando disse...

Independente do que seja o fato de vc querer ficar pensativo na bela grama verdinha da Universidade do Texas, só posso desejar boa sorte, porque como vc mesmo dia, no final tudo dá certo. =_)

R. Paschoal disse...

Quando estudei na UFRJ, no prédio da Reitoria, ficava jogado no gramado fazendo fotossíntese. Era uma maravilha. Ainda mais estudávamos pela manhã, e tínhamos algumas aulas pingadas durante a tarde. Uma das pedras de granito era cativa: ficava me esperando, todo dia. Saudades imensas daquilo...

Anônimo disse...

Isso mesmo amigo. No final tudo dá certo.

Abs,

xicoarantez disse...

SE VC SENTIR MUITA SAUDADES DA GRAMINHA, MAS MUITA MESMO, EU TE LEVO LÁ NO PAEQUE MUNICIPAL, PODE SER?? OU ENTÃO NO ZOO! OQUE ACHAS?? QUALQUER COISA ME AVISA, ESTAREI AQUI. aH! PRA NÃO FICAR TÃO PODRERA, POSSO TE LEVAR TB NO PARQUE DAS MANGABEIRAS ( HAZEI NE? ) BJO ME LIGA!

Janaína disse...

Não sei o que é, Humbert, mas quando eu li esse seu post me veio de imediato à mente uma trilha sonora que achei tudo a ver com ele: "Velha roupa colorida", da minha deusa e diva eterna, Elis Regina. Será coincidência ou sincronicidade da vida?
Não sei o que sentes, meu caro, mas do feeling que tenho (que aliás, anda me surpreendendo!), penso que seus pássaros pretos e esquilinhos te responderiam o mesmo que Blackbird respondeu a ela: "Tudo já ficou pra trás... e o passado é uma roupa que não nos serve mais."
Não se preocupe, querido. A vida é assim mesmo, cheia de questionamentos. Mas, por sorte, essas reflexões e dúvidas, apesar de angustiantes, são prerrogativa exclusiva de mentes pensantes como a sua. Não procure a conclusão. Guarde só a certeza que você já tem de que tudo dá certo, junto com as palavras da Elis, que eu acho lindas e sempre pertinentes. E me conte depois o que achas.
Beijo!

Fernando disse...

Quero seu post de Grazy Massafera na capa da Isto É Gente! Achei PHODA!

Humberto disse...

Fernando, meu amigo, valeu!E vou ver essa capa da Grazi, podexá.

Rafael, graminha de faculdade é tão bom que a gente devia aproveitar mais. Eu nunca parava.
:(

Anônimo querido, thanks assim mesmo.

Jana, deixa eu pensar numa trilha sonora pra essa decepção e pra tudo que andei pensando... assim, agora, de madrugada...acho que "we're not gonna take it", sabe qual é? Daquela banda glitter rock dos anos 80? Acho que ia ficar até legal Elis cantando isso. Depois te conto o que eu não vou aguentar mais, rs.

E Xico, linducho, thanks. Cê sabe ser fofo (mesmo que podrucho) quando eu preciso que vc seja.

Abração enorme pra todos.