quarta-feira, 14 de julho de 2010

passa o sal?

Eu e essa minha memória de elefante.
s
Eu lembro bem quando, em janeiro de 1989, minhas irmãs receberam a Capricho do mês. Na capa, nada de Piera, Cláudia Zardo, Paula Prandini ou Sandra Bortolatti, as gatinhas da revista. A estrela da edição foi uma tal de Gabriela, filha da Regina Duarte.
s
Eu lembro muito bem do quanto todo mundo ficou de cara com a falta de sal da menina. Mais de cara que isso todo mundo só ficou quando no final do mesmo ano essa menina participou de um concurso no Faustão, recém-contratado da Globo, pra escolher uma telespectadora que partiparia da novela "Top Model" (pra quê essa menina participar, já que era óbvio que sendo filha da Regina Duarte ela teria papel garantido?).
s
Aliás, mais de cara ainda ficamos todos quando a Flávia Alessandra, que venceu o concurso, ficou com um papel inexpressível, a Adriana Esteves, 2º lugar, ficou com um papel melhorzinho e a Gabriela, 3ª colocada, ficou com o papel de filha do protagonista. Por essas que eu sempre odiei peixada.
s
Mas como a vida segue e o tempo resolve tudo, hoje vemos que não basta ser filho de peixe se você não tiver um mínimo de talento que garanta seu lugar. Flávia Alessandra, apesar de ter tido que casar com o Marcos Paulo e interpretar mil Lívias, está aí poderosa. Adriana Esteves também não tem do que reclamar. Já Gabriela, o que dizer?
s
Passaram-se mais de 20 anos e Gabriela Duarte continua desprovida de sal. Arrumaram um papel pra ela na novela nova, que pelo que me contam era pra ser de uma mulher provocante e engraçada, mas adivinhem? Claro que não colou, né?
s
Ela ainda ganha umas capas de revista também, como a da Estilo deste mês, aí abaixo. Mas sei lá por que, nunca acho que dá pra descer.
s
Alguém aí sabe das antigas gatinhas da Capricho? Aposto que elas ainda dão um caldão. E tenho certeza que dariam capas muito melhores.

Eu tenho medo.
s

5 comentários:

Janaína disse...

Realmente, Humberto...a Gabriela Duarte é um picolé de chuchu! E desde sempre, né, tadinha! Olho pra ela e baixa a minha pressão.

xico Arantez disse...

kkkkkkkkkkkkk baixa minha pressão foi tudo, jana!! vou usar !!

Janaína disse...

Gostou, né, Xico!? Danadinho!!! rs

Sarah disse...

Eu tenho muito medo,sim.

Essa história de que não basta ser bonita( não é o caso dela, por sinal)ou ser filha de algum famoso ou endinheirado pra permanecer comoa triz na Globo é fato ( vide Patrícia de Sabrit, linda, mas um fiasco artístico).

Lembro desses concursos no Faustão e lembro da Adriana Esteves e da Lizandra Souto mas, não lembro da Gabriela e nem da Flávia Alessandra( aliás, como mudou a moça né??? pra 100% melhor, evidentemente. As revistas antigas nos mostram bem).Gosto dela, acho uma boa atriz e ela teve, como bem lembrado, não só que casar com o Marcos Empalhado Paulo mas também contracenar com "aquele rapaz oleoso"(palavras do Leão Lobo-jamais vou esquecer) kkkkkkkkkkkkk

Já a Adriana Esteves acho ótima atriz, adoroooo e acho ela com o marido um casal fofo ( se livrou do caminhoneiro e catou um gato!!).

Bem, chega de afiar a língua.

PS: lembro muito da capa de janeiro de 89 !

o Humberto disse...

Super picolé de Chuchu, Jana, não me assusta me a mãe dela tenha feito campanha pro Serra (outro picolézão de chuchu).

E Sarah, ri demais do ex caminhoneiro, KKKKKKKKK!!! Eu concordo com tudo que vc disse (e tb ri do homem da pele oleosa, KKKKK!!!!). E aqui, nada de maneirar na afiação de língua, eu adoro!

besos!