quarta-feira, 4 de agosto de 2010

Dona Pequenita



Quando se pensa em Ana Maria Braga, todo mundo se acha no direito de zoar (até eu). E, convenhamos, ela gosta de dar motivo.
s
Mas, verdade seja dita, apesar das apelações policialescas e de outras tosqueiras que rolam no programa, o "Mais Você" quando quer consegue ser uma atração agradável e até interessante nas manhãs. Não sei se foi o bom humor com que acordei hoje que me levou a essa conclusão ou se foi mesmo por causa desta matéria, da repórter Nádia Bochi.
d
Sinceramente, ver a casinha da Dona Pequenita, o pouquíssimo que essa senhora precisa pra ser feliz... pode ser a conclusão mais manjada do mundo, mas é impossível não pensar no quanto a gente sofre à tõa e no quanto a gente vive procurando motivo pra não estar satisfeito.
d
Ver a simpatia dessa doninha e sua vitalidade em condições que pra mim seriam inviáveis me fez pensar, por exemplo, no chilique que um amigo deu ontem porque não foi com a cara de outro amigo meu que ele conheceu (isso é problema?). Me fez pensar nas falsas necessidades que a gente cria todo dia. Ninguém precisa virar ermitão, claro. Mas talvez fosse o caso de dar uma pausa pra reavaliar os excessos de nossos desejos. E dar valor ao que e a quem nos faz feliz de verdade (e que na certa temos fartamente).
d
Tomara que a própria Ana Maria Braga tenha aprendido alguma coisa com a matéria, né? (olha eu zoando a mulher de novo). Sério, eu tiro o chapéu pra Ana Maria, pra repórter, pro "Mais Você" quando ele acerta e, principalmente, pra Dona Pequenita, feliz da vida lá naquele fim de mundo.
s
Abraço pra todos.
s s
ss

P.S.: Aproveitando a "crítica" televisiva, preciso dizer que ontem assisti ao tal "Na Forma da Lei" e deu muita, muita vergonha alheia, é tudo muito ruim. Onde terá ido parar aquele mítico "Padrão Globo de Qualidade" que existia quando a gente era pequeno?
s

3 comentários:

Caroline disse...

É bom sempre refletirmos mesmo.
Hoje, estou refletindo como a saúde é importante. Não preciso nem dizer porque não é mesmo?

Abs.

Sarah disse...

Mas é o que sempre digo, a gente é feliz num sbe, ou se esquece.
Apesar de todas dificuldades não dá pra não se considerar abençoada.

Na forma da lei? Nunca assiti mas li uma crítica no UOL que eu vergonha. É verdade, mesmo sem ver, o que é Luana Piovani de delegada? Pelo amor de Deus, podridão.

xico Arantez disse...

DESCULPE MAS NÃO AGUENTEI.. RI D+! ACHO QUE TENHO PROBLEMA! SOU NORMAL?? PODE ME BATER. FODAS! RI MESMO!