quinta-feira, 9 de setembro de 2010

não dá pra desistir

Uma coisa que tem me deixado chateado é que minha falta de tempo tá comprometendo minhas respostas aos comentários. Eu amo os comentários nos posts e devoro todos. Então, não se enganem, tô lendo tudo! :D E tão logo sobre mais tempo (e deve ser logo mesmo), vou responder tudo também.
s
De todo modo, pelo menos um caso eu queria comentar: sobre o debate no post dos sonhos, aquele lá da "História Sem Fim". Achei até que era melhor falar aqui, num outro post.
s
Bom, eu, jacu que sou, acho que sonho que é sonho não se troca. Eu falei no outro post que (eu acho que) a gente tem que ir adaptando as coisas e tal. Mas gostaria de deixar claro que se por um lado eu acredito que a gente vai tendo mais sonhos (o que é bom, pois nos dá um impulso), por outro acredito que não existe essa de abrir mão de um sonho. Da maneira como eu entendo, se você consegue simplesmente deixar pra lá um propósito, então aquilo era tudo menos um sonho.
s
Eu sei que tem gente que gosta é da busca (gente que quando consegue o que quer ou quando conquista quem desejava passa a não dar a menor importância pra isso), então aí ir trocando de sonho pode mesmo ser uma ótima (afinal, a coisa da busca se mantém). Mas pra quem realmente tem um objetivo, acho que não há sossego enquanto não se realiza esse sonho.
s
Sei lá. Só sei que penso assim. :P
s
É isso por ora, povo. E comentem bastante, please.
Besos!
:)
s
s
P.S: Sabe aquela coisa do Nelson Rodrigues?: "Todo amor é eterno. E se acaba, não era amor". Então, acho que é por aí com os sonhos também.
s

4 comentários:

Caroline disse...

Concordo em tudo amigo.
Vamos continuar sonhando.

Bom final de semana.

Abs

Janaína disse...

Êh, Seu Humberto... você e essa sua capacidade de não abandonar, de ir e voltar nas coisas, fazendo com que a gente vá junto nesse pensa, repensa, faça, refaça, "frita", reflita.
Ai... o pior é que no final a gente sabe que apesar de tudo, não dá pra desistir, né?! E a gente segue em busca. Tem que ser... rs
Tá aí uma das coisas mais fortes da sua genialidade e sensibilidade.
Por falar em gênio e sensibilidade, fechou lindamente com Nélson Rodrigues. Eu A-M-O esse Anjo Pornográfico. Outro que amo tanto quanto, e que deixo aqui pra contribuir com a idéia do post é Cazuza. Segundo ele, "quem tem um sonho não dança", e eu acredito nisso. Portanto, meu amor, "me avise quando for a hora"... rs
Beijo!

Sarah disse...

O que às vezes faz a gente acordar é " a vida como ela é".

Kyara disse...

Os sonhos são só nossos mesmo, se as pessoas de quem gosta por ventura faz parte dele, massa. Se não fizer, massa também, porque todo mundo vai vivendo o seu, queira ou não queira.

Bom esse negócio de sonho com a História sem fim! Sonho tem fim?