terça-feira, 12 de outubro de 2010

eu sou da América do Sul

Tô aqui, assistindo o resgate dos mineiros chilenos, ao vivo. Sociedade do espetáculo total. Mas, vamos combinar, o que não são esses caras? Imagina passar mais de dois meses num buraco a 700 metros da superfície, com mais um monte de homem, sem tomar banho, comendo pouco, cheirando merda... E depois subir dentro de uma cápsula de 58cm de diâmetro...
s
Todo problema que a gente tenha aqui em cima, por maior que seja, vira uma bobagem diante disso. É, definitivamente, um acontecimento histórico pra nos fazer repensar muita coisa.
sMinha sincera admiração por esses mineiros e por esse povo todo que tá ralando pra tirar eles de lá. Bate bem forte meu sentimento de irmandade latino-americana, tão sentido durante minha viagem à Argentina no começo do ano.
s
Espero pra ver o que virá quando, se Deus quiser, todos saírem do buraco.
s
s
Update à 00h15m do dia 13/12/2010: Saiu bem o primeiro mineiro! Muito bacana. :D
s

3 comentários:

Caroline disse...

Nossa só Deus para ter misericórdia!!

Janaína disse...

Menino, neste momento (08:22h de 13/10), estou aqui no trabalho, com olheiras, um puta sono, mas vendo GloboNews pra não perder nenhum momento deste resgate. Tô acompanhando desde ontem à noite. E pedindo à Deus que dê tudo certo, pra que todos saiam bem desse buraco e que dê tudo certo daqui pra frente.
Diante de um drama desse, todos os problemas da gente parecem realmente ter um sentido muito... mas muuuuuito menor. Que Deus abençoe esses homens. Os que sobreviveram à esse calvário dentro da mina e os que estão lutando aqui fora para tirar os outros lá de dentro.

Sarah disse...

Acho que grande parte do mundo acompanhou, sensacional. Mais sensacional ainda é que o resgate ocorreu em metade do tempo previsto, graças a Deus, eu num calor daqueles já tinha ido pros quiabo.