segunda-feira, 31 de maio de 2010

mais Luciana Mello, por favor

Uma coisa que eu nunca entendi é como uma cantora talentosa, simpática e bonita como a Luciana Mello é tão mal aproveitada. Qual é a lógica da indústria fonográfica, afinal? Existe alguma?
s
Será possível que tenha a ver com racismo? Porque normalmente filho de peixe consegue muito mais destaque na mídia que um pobre mortal (Sandy e sua irmã cresceram diante das câmeras, mesmo com aquelas vozes, e Maria Rita foi praticamente empurrada goela abaixo de todo mundo). Por que não, então, a Luciana, que é filha do Jair Rodrigues?

Pode não ser racismo. Pode ser porque normalmente ganha destaque quem é barraqueiro ou aparecido ou coisa assim (e até onde eu saiba, Lu é bem discreta).

Eu conheço muito gente que gosta da voz da Luciana Mello. Ontem mesmo ouvi a versão que ela fez pra "Se", do Djavan, que eu adoro. Só sei que realmente não entendo porque não dão a essa moça a chance que ela merece. E me parte o coração que cada vez (cada pouca vez) que eu a veja na TV ela tenha que estar cantando aquela chatice daquela música do pai dela e fazendo aquele gesto irritante com as mãos.

Enfim, Lu, tô na torcida por você. É sempre bom ver fazendo sucesso gente que tem talento de verdade.

Besos pra todos!
s

nome pra quê, né?

Olá todo mundo!!!

Meu "boa semana" desta semana vai em especial para as pessoas que ganharam de mim, em algum momento da vida, os seguintes apelidos (que, lamento, pegaram!):

Uma semana maravilhosa para você:

- Cavalo de Fogo
- Yorkshire de Fogo
- Esmeralda
- A.N.
- Gatorade
- Vuco-Vuco
-Cachorro Fedaputa
- Paida Manda
- Cara de Vomito (ou CV)
- Xozilene
- Boca de Arraia
- Ximôna
- Cuza
- Cu Peludo
- Cu Quebrado
- Sem Cu
- Dedo
- Neander Tall
- Pobreza
- Leo Pereba
- Leo Piroca
- Rafael Pinto Babado
- Homem de 30 quilos
- Safeno
- Márcio Piroquinha
-Ana Flávia Brega
- Rusky Siberiano
- Cacique Paiakan
- Internet Banda Larga
- Rodrigo Xanxota
- Mary Montilla
- Foguinho (a mesma que atendia por Mary Montilla)
- Mulher-Morcega
- Coleção Moranguinho
- Rinconha
- Estrovo
- Martha Jackson
- Múmia
- Feznada

Pouca gente, né?
Ainda bem que eu não lembro de todo mundo!
:P

Besos pra everyone, juro que sou bonzinho.
s

quinta-feira, 27 de maio de 2010

turning point

Um hábito que tenho é dar uma olhada no que escrevi aqui no blog no passado. Na verdade, é mais um prazer. E faço de vez em quando só. Dou uma bicada no que escrevi, por exemplo, exato um ano atrás. Sempre me divirto. Porque eu acabo lendo como leitor mesmo, o tempo permite criar uma distância. Principalmente com os posts bem mais antigos, chega a parecer pra mim que foi outra pessoa que fez.

Ontem à noite, numa insônia daquelas, dei uma fuçada no que escrevi no final de maio até o final de agosto de 2009. Porque foi um período muito intenso dessa minha vidinha. E, olha, eu gostei de ver. Senti tanta coisa.

Nessa seleção de posts, dá pra ver bem como eu era farrista, sujar All Star era de lei. Mas também passava por um período de resoluções. E, putamerda, como eu tava bem resolvido (ainda estou, acredite).

Achei particularmente interessante, creio que muito mais pra mim que pra qualquer um que esteja lendo este texto, poder ver exatamente o momento em que rolou um turning point na minha vida. Ali, o momentinho certo em que eu deixei de ser de um jeito pra ser de outro. Eu era assim e no post seguinte, depois de muita água ter rolado, me tornei assim.

Pra você ver como são as coisas. Mesmo quando tá tudo decididinho, tudo estudado e planejado e analisado, a gente nunca sabe o que o destino nos reserva.

Moral da história? Planejada ou não, viva bem sua vida, de maneira sincera com você mesmo e com a intensidade que ela merece. No final, seja lá o que acontecer, vai ter valido a pena. E muito.

Besos pra todos, também adorei rever os comentários!
:D


P.S.: Mas, acredite, há quem não tenha mudado nada daquela época pra cá... :P
s

quarta-feira, 26 de maio de 2010

abrir a janela e...

Quintal de passarinho feliz.
z

sinais?

Eu ando sonhando muito com a Jennifer Aniston. Muito. Às vezes até duas Jennifers no mesmo sonho. Será um sinal de que eu vou ter o dinheiro que ela tem? Será por causa daquele último post que eu fiz com ela? Hum?
:s
s

gente que entende

Essas são as coisas que me divertem.

Dando uma olhada nas notícias matinais na internet, deparei-me com a revolta de um moço aí porque a personagem do Marcello Antony na novela nova da Globo (que eu não tô assistindo) vai se revelar gay em algum momento. O moço é piloto de Stock Car e a personagem do Marcello Antony também.

No Twitter, Tiago Camillo, o moço, escreveu coisas como "É, a Rede Globo está entendendo muito bem de piloto mesmo" e "Eu espero que essa notícia 'quente' inclusive já divulgada através de vídeo não seja verídica!".

O mais interessante é que ele já declarou que não tem nada contra gays e explicou (atenção): "Bom, antes que comece, opção sexual é de cada um, não tenho nada contra, so acho fake demais um piloto gay... Enfim... Veremos...".

:D

O que dizer? Que vai ser fake demais um cabeleleiro hétero em novela? Ou uma cantora de MPB hétero? Que a Rede Globo não é tão entendida tanto quanto ele quando o assunto é piloto de corrida? Hummm? Eu hein. Então a profissão da pessoa tem a ver com a orientação sexual dela?

Mas o Tiago deve saber mesmo do que fala. Eu, por exemplo, não imaginava que piloto hétero de Stock Car usava a palavra fake pra descrever as coisas. Mas enfim... veremos... kkkkkkkkkkk!!!

Ai, só Jesus na causa mesmo...
Meu bom dia a todos!
s

Candelas

Quando a gente menos espera, acaba descobrindo que sabe fazer coisas que nunca pensou em fazer. E em alguns casos, descobre que sabe fazer muito, muito bem!

Isso aconteceu há poucas semanas com o digníssimo señor Xico Arantez, bailaor responsável pelas minhas tentativas de aprender Flamenco. Fizemos um curso de preparação de velas artesanais e decorativas e quando menos nos demos conta já estava ele mandando ver muito bem. Todas* as peças expostas aqui neste post são obra dele, spia só:


Não são lindas?

O melhor é que essas e mais de outras 100 peças estarão em exposição no próximo sábado, dia 29/05, a partir das 19h, neste endereço. Tudo regado a sangria e bailes flamencos, pra você poder escolher com muita inspiração aquelas que vai querer levar pra casa. :D

E você, já descobriu algum talento que nem sonhava que tinha? Hum?
Besos, espero vocês lá!
;)
d
d
P.S.: Eu tenho que entregar uma coisa, até pra eu não ficar feio na fita, ne? Eu fiz o curso também, mas ainda tenho que ralar mais pra conseguir ficar bom assim. De todo modo, essa vela em forma de olho grego aí acima é obra minha, hehehe. Com a ajuda dele, mas ainda obra minha!
:P
s

terça-feira, 25 de maio de 2010

tudo tudo tudo tudo mesmo

Muito, muito bom quando você escuta tudo o que precisava escutar, dito pela melhor pessoa que poderia dizer, na hora certinha.

Isso faz valer não só o dia. Faz valor todos os que foram vividos e todos que ainda virão.

Muchas gracias!

:)
s

segunda-feira, 24 de maio de 2010

tudo num post só

Então... Este era um post pra ter saído semana passada, mas fui enrolando a edição e quando vi, pimba!, o evento já tinha passado. Deixa eu ver o que dá pra aproveitar. :P
s
Sábado rolou aqui em TuBHcanga o Monange Dream Fashion Tour, uma espécie de desfile-show comandado pela Xuxa, que toma banho com hidratante Monage, e estrelado por top models de verdade (o que obviamente exclui Mariana Weickert). Eu pretendia ir pra ver qual é, mas acabei indo pra Bienal do Livro mesmo (o que, sem grana, seignifica pra mim apenas uma grande tortura, mas enfim...). Na verdade, nem era desse desfile em si que eu ia falar.

Estive vendo um outro blog, de uns rapazinhos novinhos e bem intencionados, e tive de rir do quanto brasileiro é sem memória. E na internet, brasileiro além de ser sem memória acha que sabe de tudo. É só falar e pronto, vira verdade (eu que o diga).

Enfim, o blog falava de modelos e tal. As bibinhas novinhas são bem desinformadas quando o assunto é História da moda e das modelos no Brasil. Mas, paciência.

Por outro lado, há tempos descobri, por acaso, o blog de moda de outra jovem, o Chiklist, e mesmo que ela estivesse meio que zoando, achei que foi lindo a coragem que teve de lembrar que muito do que hoje se tem como última moda já era coisa da Xuxa duas décadas atrás. Achei tão digno que pedi permissão pra colocar tudo aqui também. Spia só:

Tiara com lacinho

Suspensório

Vestido curto na frente e longo atrás

Ombros marcados

Meia-calça escura

Jeans total

Jaquetinha de couro

Franjinha

Collant com pernas à mostra

Cinturinha marcada com cinto

Cintura alta

Botas brancas

Batom "xocante"


Enfim, tudo isso pra dizer que achei legal que haja quem pesquise pelo menos um pouquinho antes de falar sobre alguma coisa. Isso é particularmente difícil de se ver em blogs de moda e de modelos. E isso também é muito difícil quando é pra falar da Xuxa. Parabéns Onara!
P.S.: Cá pra nós, pra uma doninha que foi top no começo dos anos 80 e depois se tornou ícone, Xuxa está até muito bem. Achei dignas as fotos que vi dele nesse Monange Tour.
P.S.2: Não fui, mas tem tudo no Youtube. Achei péssimo a Liliane desfilando com a bandeira do Cruzeiro. Não gostei, gata, achei uó. Aliás, achei tudo meio zoneado demais, sei lá.
P.S.3: Achei isso sem querer, é completamente idiota, mas eu confesso que eu ri. :p
s

domingo, 23 de maio de 2010