sábado, 30 de outubro de 2010

sex symbol

Dentro das pequenas mudanças que comecei a fazer na cara do blog, já incluí o LinkWithin (essas três sugestões de posts aí abaixo) e agora estou conseguindo colocar o link pra abrir em outra página (ou seja, você abre, mas continua lendo seu post sossegadamente).
s
Mas eu preciso da ajuda de vocês mais uma vez. É que já passou da hora de tirar esse selo de 03 anos do blog, só que eu acho que vai ficar faltando alguma coisa ali no lugar. Sei lá, um simbolozinho, uma figura (acho que toda preta também, ou talvez preta com dourado, não sei).
s
Me ajudem aí a mexer na cara do blog. A opinião de vocês sempre vale ouro. Deixo sem nada no lugar ou coloco outra coisa? Que coisa?
s
Aguardo as sugestões!
Besos! ;)
s
s
P.S.: Isso do link que abre em outra página vale a partir dos novos posts, tá O trabalho ainda é muito manual, então não tive como mudar nos posts já escritos.
:P
s

telefone sem fio

Eu tenho este blog há mais de três anos. Eu tenho email, perfil em redes sociais, MSN. São muitos os canais para contato comigo na web. Só aqui no blog mesmo, pra ficar em um só exemplo, já me expresso bastante. Mas às vezes, como aconteceu recentemente, sou mal entendido.
s
Em várias oportunidades, conversando com minha amiga Alê e ouvindo os casos que ela contava, eu repeti a ela uma instrução a meu respeito: "Escute o que te falarem, mas seja bom ou ruim, entenda que o que eu falar de você vai ser dito de mim pra você. Não por outra pessoa. Não esqueça disso." Conversei com ela hoje de novo e repeti a ladaínha.
ss
Andei tendo muitos problemas nos últimos tempos com gente falando por mim. Gente bem intencionada e muita gente mal intencionada também. E é algo que só causa mágoa. Quando é fruto de mau-entendido ainda há como conversar, mas quando é por maldade é mais chato.
s
Enfim, você aí que é me lê sempre, que é meu amigo (a), nunca esqueça que eu posso até errar e posso até ser um otário completo, mas eu sou sincero e honesto. E seja lá o que eu acho de você, seja lá o que eu sinto por você, se você tiver que saber disso vai saber por mim. E pessoalmente.
s
Abrazos a todos.
s

desespero

No desespero de tentar, uma última vez antes das eleições, boicotar a candidatura de Dilma Rousseff à presidência da República, a Veja soltou uma matéria de capa com a tese de que "Lula é o imitador perfeito de um ditador". s
s
O argumento para isso? "Como se sabe, a forma mais sincera de elogio é a imitação. Uma pesquisa fotográfica mostra que, por esse prisma, Lula é um elogio itinerante ao ditador Fidel Castro, sucessor do ditador Fulgencio Batista em Cuba".
s
É ou não é uma lástima? Tem como essa revista ser mais patética?
s
Agora, dá só uma olhada nas fotos aí acima e na analogia. E me responda: dentro dessa "lógica" da Veja, e considerando as imagens apresentadas pela revista, você aí, caro leitor, é o não é o imitador perfeito de um ditador?
s
Sério, eu não sentia tanta vergonha alheia assim desde que a Helô Pinheiro resolveu fazer um elogio sincero à Farrah Fawcett.
s
s
P.S.: O jornalista Luis Nassif se deu ao trabalho de achar essas outras fotos no Google. Afinal, o Obama está imitando o Fidel também? O presidente estadunidense também é um ditador?
s
P.S.2: Seja lá quem vocês tiverem escolhido, bom voto amanhã!
s

sexta-feira, 29 de outubro de 2010

ah, muito bom

Eu sei que este feriado não é lá dos mais comemorativos, mas hoje em dia ninguém liga muito mais pra isso, né? Então, se você vai poder emendar, se joga! Os dias têm sido os mais lindos, então comemore pelo menos isso, pelo menos o fato de estar vivo, com saúde e rodeado por quem você ama.
s
Bom descanso, pessoal!
:D
s

inevitable

"Se é pra confessar, não sei preparar café..."
iofe
deísma
Sacanagem chegar em casa e descobrir que esta música da Shakira é esta música.
s

quinta-feira, 28 de outubro de 2010

querendo mesmo mudar

Então, eu tava meio assim sem inspiração pra um post bacana, mas com vontade de fazer algo novo... Como a ideia não vinha, resolvi mexer um pouco na cara do blog. O que vocês acharam dessa ferramenta nova aí abaixo, que sugere três outros posts? Gostam? Não gostam?
s
Digam aí se devo manter ou tirar, pode ser?
s
Beijão pra todo mundo, e desde já boa sexta-feira!
;)
s
g
P.S.: Abração pra dois leitores fieis deste blog, com quem troquei ideias esta semana. Se fossem meus vizinhos não seriam tão próximos (amo vocês).
s

quarta-feira, 27 de outubro de 2010

cadê a Cica?

Sei que vão me esculhambar, mas eu não consigo entender uma mulher como a Cicarelli na geladeira da TV. A MTV até arrumou um clone dela pra apresentar o "Top 10", mas não é a mesma coisa, não tem o mesmo carisma, a mesma cara dura.
s
O pecado da Cica foi se envolver com o homem errado, num país extremamente misógino. De boa que a MTV podia chamar de volta. Cazé não voltou?
s
Enfim, podem esculhambar. Mas eu gosto dela.
s

terça-feira, 26 de outubro de 2010

a hora do pesadelo

Adriane Galisteu fantasiada de Branca (???) de Neve... Claudia Leitte fantasiada de Ivete Sangalo... O que é esse chicletinho verde-ficando-branco no canto da boca, pelamordeDeus?
s
Isso que eu chamo de Halloween.
s
s
P.S.: Impressão minha ou Galisteu já tá aflita querendo aparecer de novo?
P.S.2: Sério, imagina essas duas numa mesma festa... Deve ter sido o único evento onde os papparazzi são mais requisitados que os famosos. apar?ecer de novo?
s

heaven came down

Como assim "sem comprometer os procedimentos de segurança"? É a Wanessa Camargo cantando, gente. Dentro de um avião. Hello?!
s
Fico imaginando o que os passageiros vão fazer quando se acharem ali, fechados, a 11 mil metros de altura, ouvindo a "melodia"...
s
asssss

segunda-feira, 25 de outubro de 2010

TuBHcanga é um ovo

E este pinto aqui já não está cabendo nele.
d

domingo, 24 de outubro de 2010

ai, ai, ai, Dona Xuxa...

Eu adoro a Xuxa e já deixo isso claro antes de prosseguir com o post (aliás, já deixei isso claro mil outras vezes no blog). Isso não impede, contudo, que eu encha um pouco o saco dela desta vez. Porque, na verdade, ela tá se esforçando pra encher o saco também né?
s
O negócio é que a Contigo soltou uma capa dizendo que a Xuxa tá namorando um sertanejo aí, o tal de Victor. E veio Dona Xuxa e fez um escândalo, até coletiva de imprensa, pra desmentir e falar que a revista não é séria e blábláblá... ah, menos né Xuxa? Na hora que é pra falar bem de você a revista é séria? E mais: Onde que namorar o tal sertanejo é falar mal? Nesta altura do campeonato, isso pra mim, com a situação como tá pra você, soa é como falar bem demais!
d
Pra completar lá vem a Xuxa relembrando o caso Senna e dizendo que queria voltar pra ele quando ele morreu. Faz favor, toooodo mundo sabe disso, todo mundo sabe que os dois estavam pra voltar quando ele morreu. Morreu fia. Capaz que se tivesse vivo os dois já teriam se separado há muito tempo. Não só na Xuxa, mas em qualquer um, me cansa isso de ficar vivendo do que poderia ter acontecido. Não aconteceu, já foi, bola pra frente. Se der pra acontecer vai acontecer, mas no caso dela, vamos combinar, né?, difícil ressuscitar o moço.
s
A verdade é que está na hora da Xuxa se aposentar. De verdade, ela não precisa de mais nada disso. Eu sei como artista é, ainda mais ela, que tem sido rainha da cocada preta há décadas. Mas os tempos hoje são outros. Ela devia fazer um esforço pra realizar algum último trabalho bacana, voltar a ficar por cima sem precisar desses pseudo-escândalos (nunca precisou disso), e aí anunciar sua ida de vez pra Miami. Vai tratar de ser feliz, mulher.
s
Bom, mas como eu disse no post anterior, sobre a Ana Maria Braga, cada um é que sabe da sua felicidade. E já que eu ainda gosto de Dona Xuxa, o negócio é torcer pra ela ficar bem bem, né? De preferência, sem ficar viajando na maionese da fama.
s

a beleza também está na humildade

Uma das frases da semana, segundo um desses portais de "notícias", é essa pérola do mau gosto aí abaixo:
s
Coisa feia, né?
s
Eu me dei ao trabalho de apagar o nome da tal "apresentadora" pra não dar publicidade nenhuma a ela, por menos acessado que meu blog seja. Só digo que essa pessoa não deveria mesmo ter alguma pretensão de se tornar uma Ana Maria Braga porque precisa de carisma pra isso (coisa que a tal pessoa não tem, mocinha de sorriso mais forçado eu tô pra ver). Leva muitos anos pra se tornar uma Ana Maria Braga.
s
Ainda que seja mesmo meio discutível essa coisa da Ana Maria forçar a barra pra parecer mais jovem e ficar com caras mais novos, aparentemente pelo mesmo motivo, tudo isso é coisa pessoal dela. Cada um tem o direito de ser como bem quiser. Além do mais, esticada ou não, passional ou não, a apresentadora Ana Maria Braga me parece boa no que faz. Do contrário não estaria no ar há tanto tempo, não teria tantos telespectadores e até fãs, ainda mais na programação matutina da TV.
s
Eu mesmo já zoei Ana Maria aqui no blog, é só jogar na busca aí. Mas nunca zoei apenas pra desrespeitar. E acharia ainda mais feio fazer isso se fosse apresentador também, ainda que de uma emissora concorrente.
s
Enfim, pra mim, essa frase infeliz foi só uma demonstração de que essa pessoa não vai mesmo ser uma Ana Maria Braga nunca. E deve ter lá uma baita dor de cotovelo por isso.
s
Inveja é uma merda. Fato.
s
s
P.S.: A dita cuja está na casa dos 30. Deixemos ela chegar à casa dos 70 pra ver se ela terá preferido manter as muxibas ou embotocar a cara.
s

sábado, 23 de outubro de 2010

''O bonito me encanta, mas o sincero, ah!, esse me fascina.''

Provavelmente nunca mencionei neste blog, mas sou o que se pode chamar de fã da Beth Goulart. Não costumo me declarar fã de ninguém, porque acho que no fim todo mundo é igual e porque não costumo suportar os tipos que se declaram como fãs. Mas sou realmente admirador do trabalho desta atriz.
s
Além do talento de Beth, confesso que também gosto de sua personalidade. Sempre me parece uma pessoa inteligente e interessante cada vez que a vejo falando. Coisa de simpatia mesmo, sabe como?
s
Pra completar, Beth está em turnê com a peça "Simplesmente eu, Clarice Lispector". Aí é covardia. Se você não é do tipo que gosta de ler nem do tipo que gosta de teatro ou monólogos, sugiro pelo menos o Twitter criado para divulgar algumas frases da escritora, o @FrasesDeClarice (eu poderia citar várias, mas é melhor dar um pulo lá). Infelizmente, deixei passar a oportunidade quando a peça esteve aqui em TuBHcanga. Acontece.
s
É isto por ora, muita coisa ainda espera por mim neste domingo. Volto amanhã.
Besos a todos.
j
h
P.S.: Confesso uma certa simpatia pela família Bruno-Goulart inteira.
P.S.2: Foto de Olga Vlahou, para a revista CartaCapital.
P.S.3: Sim, o título do post é uma das frases de Clarice.
s

antecipando a chegada de 2011

Um dia, em algum momento de 1999, eu resolvi me livrar do desnecessário. Sem dó nem piedade. Lembro que dei uma viajada besta e me perguntei, "se rolasse um incêndio nesta casa e desse pra eu salvar alguma coisa, o que eu salvaria?".
s
Dentro dessa "lógica", mantive as cartas que recebi, as fotos, os documentos e as 60 revistas que eu mesmo fiz na adolescência. Daí não tinha erro, era pegar meu neném, que era vivo na época, e pegar isso tudo aí, que caberia fácil numa caixa de estatura mediana. O restante joguei fora sem pestanejar.
s
Não sei se isso abriu meus caminhos ou se foi por pura coincidência, pouco tempo depois consegui meu intercâmbio pro exterior. Guardei essa caixa com as minhas coisas, selecionei o que precisava levar de roupa e, mais uma vez, me desfiz do resto (dei tudo que sobrou do meu guarda-roupa pros outros).
s
Viajei, a vida mudou completamente, mas eu acabei voltando pra casa. Desde então aconteceram muitas coisas. Só que ontem eu me dei conta de que além de experiências, andei juntando muita, muita tranqueira nos últimos 10 anos. E percebi que essas coisas todas não estão agregando, mas apenas pesando. E eu não quero mais esse peso nas costas.
s
Eu decidi que hoje vou começar, de novo, a me livrar de tudo que não é realmente necessário. A começar pelo material de duas faculdades diferentes e de três seleções estúpidas ao mestrado. Terei prazer descomunal em queimar tudo isso.
s
Também resolvi que agora, sim, é hora de passar essa revistaria pra frente. Logo, logo, mais de 800 exemplares, muitas raridades incluídas, estarão à venda, de modo que se você conhece alguém que se interessa, pode avisar.
s
Também preciso trocar minhas roupas todas. Não preciso de muitas outras novas por enquanto, mas me ajuda muito abrir mão de peças que me lembram tudo que eu não quero mais lembrar.
s
Vou manter as mesmas coisas que mantive da outra vez, o que demonstra que elas eram mesmo importantes. E continuam. Vou somar a elas alguns dos meus livros (muitos outros deles serão doados pra biblioteca comunitária que tem aqui perto).
s
Eu sinto que a hora é de dar espaço ao novo mesmo. Porque o que passou foi bom, mas ficar arrastando o que já passou só faz sofrer. E, sinceramente, eu não sirvo pra sofrer mais não. Aliás, nunca servi.
s
O dia de ontem foi crucial pra eu rever 30 anos de existência. E o dia de hoje é de recomeçar, mais uma vez, mas agora chutando com força o balde. It's definitely the end of the world as I know it. And I feel fine.
s

Gotta be free, real free.

sexta-feira, 22 de outubro de 2010

I love Chris

Uma já finada série que eu ainda adoro é "Everybody Hates Chris". A única coisa que eu não gosto nela é o fato de que eu nunca vou poder filmar minha infância (sim, porque soaria como plágio). Impressionante o número de semelhanças entre o pequeno Chris Rock e o pequeno Humbert. s
s
Também adoro essa série por conta da lembrança que me traz da comunidade afro nos Estados Unidos. Chris Rock saca tanto da realidade desse povo que só quem viu minha roommate estadunidense passando mal de rir quando o assistia é que tem ideia. Eu fui muito bem recebido pelos afro-estadunidenses, sinto muita saudade do um mês que passei quase que exclusivamente com eles.
s
E uma última coisa que também adoro em "Todo Mundo Odeia Chris" são as bobajadas bem Anos 1980. Colônia dos Estados Unidos que somos, tudo que viveram por lá, manias e roupas, por exemplo, a gente acabou vivendo aqui também. É muito engraçado lembrar de algumas dessas coisas, das músicas.
s
Pra quem não conhece a série, sugiro assistir este episódio aqui. E se gostar, sugiro assistir o resto.
s
Abrazos a todos, volto qualquer hora dessas.
Besos!
sP.S.: Esqueci de dizer, adooooro a Rochelle, a mãe do Chris! É a personagem mais engraçada.
P.S.2: Em compensação, os dois irmãos dele me lembram o pior da minha infância (multiplicado por quatro, claro).

Update em 24/10/10: Assistam esse episódio aqui, é engraçadíssimo, a Rochelle tá insuperável. E também me serviu pra lembrar o que era conviver com uma Tônia em casa, Nossa Senhora!

s

quarta-feira, 20 de outubro de 2010

acaba logo eleição

E ainda dizem que a imprensa apoia Serra. Com uma dessas aí acima, quem vai acreditar que o UOL quer que Serra ganhe?
s
Quer ver quem mais apoia quem neste 2º turno? Clica aqui.
sm neste 2

terça-feira, 19 de outubro de 2010

as cariocas

Homenagem do blog à nova série da Gróbis.
:P
s
s
P.S.: Só uma pergunta: Lembram quando, em 2004, a Scheila Carvalho ia participar de "Senhora do Destino" e a classe artística fez um escândalo porque não ela podia e tal e coisa, e acabaram subistituindo ela pela filha do diretor? Ninguém vai chiar agora com o Luciano Huck gravando "As Cariocas", não? Ou ele tem DRT de ator e eu não tô sabendo?
P.S.2: OK, é um pouquinho de recalque, mas se precisar eu zoo as mineiras também, não vai ser difícil.
ss

mulequinho

Meu bom dia pra você que foi dormir
achando que eu sou bonzinho.
s
v

diz aí:

Uma pergunta, apenas para os leitores do blog:
O que faz com que você se considere um homem? É um homem o que você vê quando se olha no espelho?
j
Respostas em anônimo também são bem-vindas.
s

segunda-feira, 18 de outubro de 2010

Marília Gabriela

Eu tenho que tirar o chapéu pra Marília Gabriela. Ela pode não ser meu modelo de jornalista, mas não dá pra tirar o mérito de uma mulher que está aí há anos e consegue ser contratada de três emissoras diferentes na televisão. Como é que essa mulher faz isso?
s
Gabi, na boa, libera pelo menos um dos seus empregos pra mim, vai?
s
s
P.S.: Nem vou comentar o caso Reynaldo Gianecchini. Deixo pras leitoras.
s

domingo, 17 de outubro de 2010

por um pouco de doçura

Um filme que eu não canso de gostar:
s

verde de vergonha

OK, eu assumo, tenho preguiça da Osmarina Silva. E é por uma dessas que eu nunca nem cogitei votar nela.
s
Me desculpem, eu tenho ojeriza da maneira como a campanha eleitoral vem sendo feita esse ano, eu sei que o nível está baixíssimo, mas infelizmente eu acho que existe um mínimo de pulso firme e de posicionamento que uma pessoa precisa ter pra se candidatar à presidência de um país. Embora, não custa lembrar, ninguém, nem a Marina, governa um país sozinho.
g
Lavar as mãos, ficar em cima do muro, numa hora dessas, por favor, isso é de doer. Cadê as convicções dela? Será que não há nada que a faça votar ou em Dilma ou em Serra? Será que não dava pra falar, então, "Vou anular."? Ou será que ela vai ficar assim, sem se meter em assunto nenhum até as próximas eleições pra manter a imagem que criaram pra ela?
s
De boas intenções o inferno tá cheio mesmo. Nunca me surpreendeu a sujeira dos candidatos do Partido Verde nas ruas aqui da roça mesmo. Foda.
s
s
P.S.: Desculpa aí, Fernando, Luisa e Vini. A birra é só com a política e com a "santidade", não com os meus amigos que apostaram nela.
s

eleições duas capas

Pra quem se lembra da capa da Veja da semana passada, taí a capa da Istoé desta semana.
s
Sério, não vejo a hora desse lixo desta campanha presidencial acabar. Tô com muita vergonha dessa sujeirada toda e da cobertura jornalístca.
s
s
P.S.: Eu adoraria comentar a atual capa da Veja também, mas não dá, né?
s

sexta-feira, 15 de outubro de 2010

Fiona Apple

Já que voltei a postar, deixa eu falar de outra diva louca da boa música. Sei lá por quê, lembrei agora há pouco da Fiona Apple, que eu amo.
s
Eu conheci a Fiona em 1999. Ela era noviiinha, muito, muito talentosa, e louca de pedra que só ela. Tão louca que parou de cantar pouco tempo depois.
s
Fiona Apple chegou a ser conhecida como "a Alanis com raiva", pra vocês terem ideia. E o maravilhoso resultado dessa raiva toda pode ser visto no clipe de "Limp" (ao vivo e com mais raiva aqui): vídeo lindo, letra impecável, música deliciosa.
s
Por que gente bacana assim simplesmente sai do mercado? E por que a Wanessa Camargo não some de vez?
s
Tem que ficar com raiva mesmo.
Besos.
s

re-post

Fuçando pelo blog, achei este post, de 2007. Achei tão atual que resolvi que valia republicar. Clica aí no link, ou na Espada Justiceira do Lion, e dá uma lida.
s
Tem coisas que é bom a gente reler, até pra não esquecer e não repetir erros.
s
Abraços a todos!
Hooooooo!!!
s
s
P.S.: Saudade de Thundercats. "Tananã! Tananã! Tananã! Tum! Tum! Tum! Tum! Tananããã!..."
d

hein?!

Já tinha até desejado bom fim de semana e dito que ia ficar um tempo offline, mas tô aí de volta. Pra contar a última dos diálogos bizarros aqui de casa.
s
Minha mãe e eu, de novo, depois do almoço, e, de novo, sobre os mineiros chilenos. Ela começa:
s
- Fiquei boba como os homens saíram todos bem lá da mina, andando, tudo com saúde.
- Ah, mais ou menos. Agora que vai saber mesmo como estão, tem um com pneumonia... Acho que saíram tudo bichado.
- Ave Maria, mas foram sair logo desse jeito?!
s
s
Pra quem não entendeu, Dona Mãe achou que saíram todos gays de lá (sabe como é, né?, 70 dias, nenhuma mulher por perto...). Hehehe, ai, esse povo aqui de casa tá se superando a cada dia. Cada vez me sinto mais o Coragem do desenho.
s

quinta-feira, 14 de outubro de 2010

Just can't stop loving Amy

Taí minha Amy, primeira e eterna musa deste blog, linda na Harper's Bazaar deste mês. Eu sei que ela é bagaça, que se destroi o tempo todo, que tá um caco, mas eu não consigo achar a Amy feia. E quando ela recebe o mesmo trato, inclusive photoshópico, das outras, vira uma diva perfeita. Não há algo de rainha egípcia nessa foto acima?
s
Não vejo a hora de ouvir música nova dela. Sei que isso é lenda, mas fico esperando. Já esperei por coisas mais difíceis de acontecer, sempre com a paciência de uma Penélope. Ainda mais pela Amy, espero o tempo que for por essa louca.
s
Queridos, bom final de semana pra todos. Darei uma sumidinha breve, mas volto logo (e vou responder os coments). Divirtam-se bastante, aprontem bastante e depois me contem tudo.
s
Besos!
s
s
P.S.: Uma Amyzinha pra matar saudade, né? Ouve aí!
s
s
Update no meio da insônia: Eu tenho essa mania de fuçar os posts antigos, pra ver como eu já estive e o que já escrevi. Spia só o post do dia 14/10/2008, exatamente dois anos atrás. Impressionante.
:p
s

Chi Chi Chi le le le!!!

Este post é só pra reforçar o quanto eu me emocionei com esse resgate dos mineiros chilenos. Com tudo. Foi um momento histórico inesquecível, que só não foi melhor (pra mim) porque eu não estava lá pra ver de perto. Muito emocionante tudo aquilo.
s
E uma coisa que achei particularmente tocante foi o trabalho da equipe de resgate. Todos eles... os engenheiros, os médicos... pensa nos caras que inventaram a tal cápsula... Dentro da minha concepção de talento, de estudos, de dedicação e de relevância, isso é o que eu considero trabalho. E um trabalho perfeito ainda! Um cara desses pode encher a boca pra dizer que é uma pessoa útil, o que ele faz faz toda a diferença. Eu gostaria de ser assim algum dia.
s
Chi Chi Chi le le le!!!


g

lá vem elas...

Há umas semanas estava zapeando na TV e parei no programa da Marília Gabriela no GNT. Me chamou a atenção o fato de ela estar entrevistando a atriz Daniele Valente. "Daniele quem?", você perguntaria. Pois é, foi justamente isso que me chamou a atenção.
s
Eu sei quem é Daniele Valente porque eu assisti loucamente (e já fiz post) "Confissões de Adolescente", láááá de 1994, que provavelmente foi a única coisa que presta que a Daniele fez. A personagem dela era minha favorita, eu preciso dizer, mas desde então nunca achei que ela tenha feito nada de relevante. Quadro (extinto) de gênia no "Zorra Total"? Desde quando isso é motivo pra alguém ser entrevistado por Marília Gabriela, ainda que seja a Marília Gabriela de hoje em dia?
s
Daí finalmente eu entendi a bagaça: a Daniele Valente é casada com o filho da entrevistadora! Ahhhhhnnnnnnnnnn... aí fica mais claro, né?
s
Sério que até gosto da Daniele Valente, muito pela Natália de "Confissões", mas acho que ela ainda tem que fazer muita coisa pra uma entrevista com ela ser relevante, né? Vamos forçar menos a barra aí, pessoal.
s
Obs: Já ouvi falar que os caras "procuram" a mãe nas esposas, mas precisava ser alguém assim tão parecida? Bizarro. :P
s
s
Parte 2 do Post
st
Por falar em bizarrice e entrevistas da Marília Gabriela com pessoas não muito relevantes, quem foi entrevistada esses dias? Luana Piovani! Ah, que linda!
s
s
Hum? Oi? Sei que o blog chama "o Humberto Explica", mas alguém aí se põe no meu lugar e ME explica?
s
E, cá pra nós, que cabelinho novo é esse? Franja lisa na altura das sobrancelhas e cachos? Sério, eu não consigo achar essa mulher bonita. Pior que ela só a Galisteu mesmo.
s
E só pra fechar esse post nada a ver, um momento-memória: uma capa básica da Caras de uns anos atrás.
d
:P
gggggg

quarta-feira, 13 de outubro de 2010

papo na madruga

- O mineiro saiu.
- Saiu??? Graaaças a Deus, louvado seja Senhor! Quanto?
-Quanto o quê?
- Quanto dinheiro?
- Dinheiro? Que dinheiro??

- Uai, cê não falou que saiu o dinheiro?
- Saiu o MI-NEI-RO.
- Ahnnn...
s
s

Mais um desses diálogos insólitos que só acontecem aqui em casa. Eu, à 00h30m de hoje, contando sobre a saída do mineiro chileno do buraco pra minha mãe, que tinha ido à cozinha tomar uma aguinha no meio do sono (mas pelo visto ainda tava no mundo dos sonhos quando eu comecei a falar, hehehe...).
d
A vida sabe ser divertida, fala a verdade. É pra rir ou não?
s
s
P.S.: Verdade seja dita, Dona Mãe ficou felicíssima e bastante aliviada também quando ela entendeu que eu tava falando era dos caras lá no Chile.
s

prestenção II

Gente, mal-entendidos acontecem.
s
Se foi você quem entendeu mal, pergunte de novo antes de partir pra agressão. E se foi você quem não se expressou bem, tente explicar novamente.
s
Conversando, todo mundo se entende.
s
Abrazos, e desculpas pra quem se sentiu ofendido com dois dos últimos posts porque captou a mensagem errada (ou a mensagem certa pra pessoa errada).
s