segunda-feira, 11 de abril de 2011

into my life

Hoje cedinho, enquanto me preparava pra trabalhar, ouvi num desses programas de músicas antigas, essa velhinha do Colin Hay.

Impressionante como fui arremassado pra 1990; por alguns segundos eu senti correr nas veias o sangue do pré-adolescente que tinha certeza que o mundo era dele. Eu vi até o poster da capa da Elle com a Claudia Scheiffer noviiiinha na banca.

O olfato costuma ser o que mais aguça lembranças perdidas em minha memória. Mas a música às vezes manda muito bem.

Quem foi que disse que o tempo não voa?

.

3 comentários:

Cris disse...

Voltei.......rsrsrsrsrs

Mesmo discordando( algumas vezes), eu adoro vir aqui e ler o que o " Humberto tá explicando".....rs

Essa música é minha, ok? Não roube-a! Nossa, peguei muita estrada ouvindo essa música e pensando nas mudanças mil da minha vida!

Quanto a moderação de seus comentários, posso imaginar a pérola que vc deve ter recebido e provavelmente no post anterior a este. Liga não! Bem vindo ao mundo dos medíocres e otários. O nosso.

Meu blog tem moderação há muito tempo; desde o meu primeiro blog, na verdade, pq os otários acham que podem falar qq coisa e fazer do seu espaço o que fazem da vida deles: um vômito. Como odeio essa palavra e esse ato (rsrsrs) acho que é a melhor forma de definir uma pessoa que trata outra sem no mínimo, respeito. É um vômito...rsrsrsrsrs

Vc liberando as bobagens que escrevo tá tudo bem!

Humberto, não se importe com o mundo racional. Algumas vezes, vale a pena. Na maioria, não!

Pra vc: lição de casa:

"Nunca discuta com um idiota,
ele te rebaixa ao nivel dele,
e te vence pela experiência ..."

Beijo grande e me libere....rs

Alan Raspante disse...

eêêê nostalgia!

David ®... disse...

lembro dessa música tocando na Rainha da Sucata...novela q eu assisti no Vale a pena ver de novo...afinal sou de 88'

bjão