segunda-feira, 26 de março de 2012

na hora certa

É cliché, mas um dos melhores conselhos que recebi na vida, de um amigo que eu estimo imensuravelmente, num momento em que TUDO ruiu foi: "Dê tempo ao tempo".

Na época eu era muito novo, e estava muito desolado. A verdade é quem em muito menos tempo do que eu imaginava a tal história se reverteu e as coisas mudaram de uma maneira digna de virada de enredo de filme.

Essa história me veio à mente porque agora, de novo, depois de muito tempo sofrendo por uma outra história, muito mais intensa, mas também não merecedora de tanto sofrimento, consegui o distanciamento necessário para entender que muito mais que uma perda, o que houve foi um ganho.

Tem gente que acredita em Deus, outros que acreditam em destino... tem os que acreditam em coincidência. Independente do que rege nossas vidas (se é que existe isso), o fato é que hoje consigo ver claramente que aquele rompimento, que foi uma das maiores dores que eu já senti foi, na verdade, um presente da vida pra mim, uma nova oportunidade, uma saída daquele mau caminho que me levaria a um fim de verdade.

O que me aconteceu de muito, muito ruim em dado momento, era, na verdade, algo muito, muito bom acontecendo na minha vida. E foram necessários anos pra que a ficha pudesse cair. A dor agora, não tenho dúvida, começa a acabar de verdade, porque compreendo que ela era só algo de que eu precisava pra crescer e valorizar meu próprio caminho.

Muito profundo (de butiquim), né? Ah, mas eu acho que vocês entendem.
;-)

Boa semana pra todos nós, queridos.
Abrazos!


P.S.: Não sei vocês, mas eu achei que esse texto ficou péssimo; não fluiu, não ficou redondo e não tenho certeza que passou a ideia que eu queria. Sorry, não pra pra acertar toda hora. :P
.

8 comentários:

Alan Raspante disse...

Eu entendi e gostei do texto. Na verdade, ele disse bastante sobre o meu momento atual.

Estou dando, também, tempo ao tempo.

Cores da Crise de meia idade! disse...

Dando uma de avó: " Tem males que vem pra bem!"
Bjs

Caroline disse...

Amigo,
Passou uma ideia muito clara sim...eu que o diga sobre tempo de coisas ruins e que depois se tornam simplesmente MARAVILHOSAS.

Bjos e boa semana.

Janaína disse...

O temnpo é, de fato, o senhor de todas as coisas, Humberto!
É um mestre muito caprichoso e exigente, que ás vezes, nos cobra a lição de uma maneira muito dura, mas que só mais tarde, através dele mesmo, é que vamos perceber o quanto a lição nos foi proveitosa, apesar de por vezes dolorosa.

FOXX disse...

todos entendem e é mto bom saber q vc está curado né?

| Diego Dellano disse...

Papo de Butequim .. hehe, Mais è lá que muita coisa é explanada né?

Tempo ao tempo, Na hora dói, depois agente entende.. e mais tarde ainda tira uns textos desconexos, e posta pra outros malucos.. que devem ou ja passaram pelo que divagamos.. Enfim..

desconexo né?

Rafa disse...

Engraçado como a percepção que temos das coisas é tudo n vida. Que bom que vc percebeu!

Bj

Edilson Cravo disse...

Deus retira as pessoas de nossas vidas, sofremos, choramos e depois aprendemos que Ele queria apenas abrir espaço para novas pessoas.

Abraços querido.