quarta-feira, 10 de abril de 2013

dos caracóis do meu cabelo

Daí me olhou e me disse que eu tinha os cabelos da minha mãe e que eu os penteava do mesmo jeitinho que ela faz, e descreveu com detalhes precisos como é.

Eu ri por dentro, me perguntando se assim tão bom pra perceber algo que outro normalmente não perceberia nem eu mesmo se seria capaz de perceber também o quanto aquilo só me fez amá-lo mais.

Não costumo esquecer esse tipo demonstração de afeto, não.

Boa noite.


Nenhum comentário: